LÉO ANDRADE

Músico mineiro natural de Belo Horizonte, Léo Andrade é guitarrista e violonista. Hoje com 30 anos, ganhou seu primeiro violão aos 10, da irmã Patrícia, sua principal enciclopédia musical. A partir daí, Léo nunca mais largou o instrumento. Levava-o a todos os lugares que ia, escola, praças, festas e viagens. Onde tivesse um lugar para se sentar, lá estava ele com seu violão, batendo desengonçadamente nas cordas e gritando melodias desafinadas para os quatro ventos. O tempo passou e, com ele, vieram a qualidade musical, o aprimoramento e a experiência. Hoje, o artista deixa sua marca por onde passa no estado. Na trajetória de sua carreira, Léo fez grandes shows, como no Savassi Cultural, no Abrace a Serra da Moeda, na abertura do show da banda Capital Inicial (no Chevrolet Hall, em BH), no Carnafavela (que tem como um dos idealizadores Cris do Morro, do Vozes do Morro) e no Encontro de Compositores, evento da sambista e produtora Dona Jandira. Soul, black music, pop, MPB, reggae e hip hop são os gêneros mais  aparentes no estilo do músico. Com muita qualidade, Léo Andrade valoriza a música dançante e o groove ─ a alma de sua banda.

PRESSÃO SONORA

Banda de apoio do artista, formada pelos músicos e amigos Alysson Fubox (bateria, percussões e becking vocals), Ricardo Coutinho (baixo) e Gustavo Lima (guitarra, metais e becking vocals), Luiz Felipe (Guitarra). O nome “Pressão Sonora” foi dado devido ao peso que a banda coloca nos palcos e bares, com uma cozinha (baixo e bateria) impecável e timbres de guitarras bem definidos. A fusão Léo Andrade + Pressão Sonora leva ao público qualidade, energia e diversão, com muita pressão sonora.